Publicado em Hoje eu sonhei com você

Hoje eu sonhei com você

Era uma noite como todas as outras. Por volta das 22h eu tomei banho, passei hidratante em todo o meu corpo, coloquei minha camisola de renda de cor branca, o apartamento onde moro, um silêncio total, uma delicia para ouvir o som da chuva que estava lá fora, além do frio, afinal é sábado de inverno.

Então, em seguida, fui deitar. E, logo pegando no sono com o barulho da chuva lá fora, não foi difícil pegar no sono, e, como sempre os sonhos começaram, mas os sonhos não foram como os de sempre, sem muita conexão ou até mesmo sem sentido, minha mente simplesmente desenhou um sonho nítido, uma cena tão real que fez meu corpo responder a tudo.

Eis que você chega em meu apartamento, um homem de pele clara, cabelo escuro, olhos castanhos, lábios carnudos, uma estatura médio, se vestindo muito bem. Usa caça jeans, camisa branca e casaco preto, além de um perfume espetacular, uma barba bem baixa e bem feita, o que dá um charme mais que especial.

Você entra, te convido para tomar um vinho e ouvir uma boa música. As conversas ficam boas, risadas e vamos nos aproximando cada vez mais ali varanda do apartamento.

Decido te apresentar a meu ap, afinal é seu primeiro dia ali, te mostro todos os ambientes, até que chegamos em meu quarto…

…de repente você toca meu corpo com suas mãos macias, primeiro você pega meus cabelos com suas duas mãos e os coloca para cima, nesse momento eu estou ainda de pé, à medida que beija a minha nuca e explora todo meu pescoço, nesse momento, meu corpo fica todo arrepiado, quase sem resposta, apenas sentindo a sua boca me beijando levemente e mordidas bem suaves…posso sentir o som da sua respiração no meu ouvido.

Ainda estamos com roupas nesse momento, eu, de vestido preto, um colar de pérolas, salto alto vermelho, um perfume sedutor que você adora, além do batom vermelho.

Então, mais uma vez eu sinto a sua boca me beijando, vai saindo do pescoço em direção a minha boca, mas você bem aos poucos, com um beijo de canto, me falando besteiras com um sorriso leve, tudo isso enquanto me beija.

Enquanto isso, uma de suas mãos começa a tocar nas minhas pernas, na altura do joelho, enquanto uma toca as pernas a outra segura a minha nuca, então percebo que a mão que antes estava no joelho, começa a subir, uma mão grande suave chega até na minha virilha, então você encontra a minha calcinha…

A calcinha preta de renda transparente denuncia a minha excitação, você sente que já estou molhada, mas ainda em uma provocação intensa, você faz carícias ainda por cima dela.

Nesse momento eu já estou entregue, te esperando. Então eu tiro o seu casaco preto, e começo a abrir a sua camisa, botão por botão, até que eu também tiro seu cinto e coloco as minhas mãos em seus genitais.

Agora as nossas mãos já estão apreciando o corpo, um do outro, enquanto elas passeiam, nossas bocas apreciam o beijo mais excitante e demorado de nossas vidas, a vontade ali é de estarmos um dentro do outro.

É nesse momento que você me coloca de costas em cima da cama e abre o zíper do meu vestido. Mais uma vez as suas mãos começam a explorar ainda mais meu corpo. Você me vira de frente e beija meus seios com delicadeza e paixão.

Eu, simplesmente me entrego para você, respondendo aos estímulos, te beijando, te tocando por inteiro.

Quando percebemos, já estamos nus, nossos corpos tão colados que o frio que existe lá fora não consegue nos atingir aqui dentro. Estamos quentes, e o corpo já não aguenta mais. É nesse momento que sinto você entrando dentro de mim, me consumindo.

Você aprecia a sensação mais prazerosa do mundo, você dentro de mim, eu quente, úmida e apertada, te pedindo mais e mais. Ao mesmo tempo em que você vem com força, me dominando e me colocando em suas mãos.

…até que, em uma explosão de prazer, chegamos ao nosso ápice. O orgasmo nos alcança e sinto que tudo o que eu esperava aconteceu. Nossos corpos de entregaram um para o outro.

Depois disso, eu deito em seu peito e me sinto segura e desejada, e você….se sente completo por ter me consumido, esperando que esse dia se repita mais e mais.

O relaxamento é tão grande que o sono vem, quando acordamos no outro dia pela manhã, o sorriso embala nossos lábios, eu então te beijo e você levanta e vai para a sua casa. Hoje é domingo…então você vai mais tarde.

O seu cheiro fica em mim, na minha cama e no meu corpo.

O post Hoje eu sonhei com você apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Hoje eu sonhei com você

Publicado em Como superar uma traição?

Como superar uma traição?

Como superar uma traição? Talvez esse título tenha te chamado a atenção, seja por estar vivendo a experiência ou ter medo de ter que enfrentá-la em algum momento da vida.

Superar uma traição é um processo, por vezes, doloroso e que pode abalar o emocional de diferentes formas! Só quem já passou por isso entende exatamente o que eu estou querendo dizer, não é mesmo?

De maneira geral, podemos até mesmo afirmar que essa situação pode gerar traumas, sem contar um profundo estresse. Isso tanto  é verdade que é comum que muitas pessoas que passam por isso acabem se afastando de pessoas próximas e queiram praticar o isolamento.

Esse isolamento (que nesse caso especificamente não é bom, embora essa palavra esteja tão em alta por causa da pandemia) vem acompanhado de outros comportamentos negativos. Um deles é simplesmente pensar o tempo todo sobre o que aconteceu e sofrer toda vez que fizer isso.

Com essa persistência em pensar sobre a traição, outros sintomas podem assumir a liderança e tornar tudo ainda mais complicado. Ou seja, ansiedade, estresse, insônia, crises de choro, pensamentos negativos e até mesmo a perda de prazer por tudo.

Por isso, não é um exagero dizer que a traição é um acontecimento realmente marcante, que acaba contrariando expectativas e ainda causa um sentimento intenso de abandono e solidão.

Isso é tão comum que grande parte das pessoas traídas começam a duvidar de si mesmas e de outras pessoas. Ocorre também uma dificuldade de reconhecer quem pode e quem não pode ser confiável. Tudo isso ajuda a explicar o isolamento afetivo e a diminuição de um convívio social.

Como superar uma traição

Outro sintoma comum é o medo! E, ele ocorre de várias formas também, sendo o mais comum o receio em voltar a se relacionar e a certeza que é preciso estar o tempo todo se protegendo das pessoas – e, de novas traições.

Mas, como lidar com isso? Como virar o jogo e deixar o passado no lugar que ele merece? Vamos falar sobre isso de forma aberta?

Como superar uma traição: aceitando as diferenças

É muito importante lembrar aqui que todos nós somos diferentes, complexos e temos pensamentos divergentes sobre uma porção de coisas.

Com isso, eu quero dizer que saber como superar uma traição não depende de um manual universal. Aliás, cada pessoa pode reagir de uma maneira diferente quando passa por essa situação.

É importante saber que, sentimentos e até mesmo atitudes poderão mudar conforme as questões envolvidas. Para começar, é interessante refletir sobre o tempo que esse relacionamento existiu, se há filhos, se vocês possuam um negócio juntos e muita mais!

Leia sobre: Disfunção erétil em jovens

Quanto maior for esse envolvimento, maior também poderá ser a complexidade de lidar de frente com o impacto da relação. O que eu quero dizer é que as etapas possíveis para lidar com a infidelidade variam de um casal para outro – e, a trajetória aqui é realmente importante!

Por outro lado, para que a traição realmente vire uma página virada é preciso viver, de alguma maneira, os sintomas e dores envolvidos. Eles são formados por vários estágios e, ignorar isso, pode resultar apenas em uma coisa: mais sofrimento.

Os estágios da traição

Logicamente não devemos pensar em padrões, afinal, lembre-se que somos todos diferentes. Mas, é possível sim afirmar que existem estágios para superar uma traição e, muitas pessoas, poderão facilmente se reconhecer neles.

Surpresa

Não é uma novidade que grande parte das pessoas idealizam um relacionamento. Mesmo sabendo que a traição é algo comum, cada um de nós sempre acaba imaginando um “comigo vai ser diferente”.

Quando as coisas não saem conforme esse pensamento, a surpresa é inevitável e, esse momento é um dos mais dolorosos do processo. É algo parecido com uma paralisia ou um choque.

Negação

Depois do choque de realidade, a pessoa traída entra em um estágio de negação. Esse é um comportamento até mesmo bem comum quando nos deparamos com situações dolorosas e, negar, é parte dessa etapa. Isso pode durar alguns minutos ou até mesmo dias.

Culpa

Você poderá sentir culpa – mas, não se culpe por isso! Isso é bastante comum, porque depois da negação, durante o processo em superar uma traição, a pessoa tenta encontrar motivos que façam sentido para isso ter acontecido. Com isso, a culpa sobre ter feito algo diferente sempre aparece.

Leia mais sobre: Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina?

Agora, pessoalmente, eu vou dar um conselho aqui: não se culpe! Quem traiu, fez isso por suas decisões.

Nem todo mundo vive essa fase e, pode acontecer de pular para a próxima: a raiva!

Raiva

Aqui, o resultado é uma enorme confusão. Em alguns casos essas raiva pode ser direcionada para a outra pessoa ou até para si mesmo. Essa é uma etapa que eu considero muito importante e bastante dolorosa. A raiva é combustível para uma ação, movimento e permite que ocorram questionamentos e reflexões.

Mágoa

Encare a raiva como uma descarga elétrica. E, assim como essa descarga, ela  é passageira, dando lugar para outro sentimento: a mágoa. Os pensamentos ficam confusos entre toda a história boa do relacionamento e  o fato ruim. É uma fase de dor e angústia, mas que permite aprendizado. É um passo decisivo para conseguir superar uma traição.

Diálogo e perdão

A transição entre a mágoa e esse estágio pode refletir também um sentimento forte de vingança. Mas, naturalmente, a necessidade pelo diálogo é inquestionável porque haverá um forte anseio em tentar entender o que aconteceu ou ressignificar a relação (se o casal for tentar manter o relacionamento).

Já o perdão é mais complexo, até porque ele pode acontece ou não. E, muitas pessoas possuem dificuldade em perdoar – e, por vários motivos, desde orgulho, exclusividade sexual e outros. Mas, se a sua escolha for perdoar, é importante que isso seja feito para valer.

Eu sempre aconselho meus pacientes a perdoar uma traição, até porque perdoar, não significa necessariamente ficar juntos, aliás são coisas completamente diferentes.

A traição tem explicação?

Sempre que eu atendo um casal que passa por essa experiência, eu sempre me refiro a traição como que o resultado de algo que já não estava bem há anos, ou seja, geralmente o relacionamento tem algumas faltas grandes que são negligenciadas ao longo do tempo, e como resultado acontece a traição.

Leia sobre: Sexo na menopausa: 5 Dicas para manter o casal ativo

Em terapia sexual online ou presencial, por exemplo, é comum eu identificar as maiores faltas no relacionamento que nem sempre são identificadas pelo casal, por isso então que eu indico a Terapia de Casal para que os dois consigam enxergar a situação de maneira mais imparcial.

Em atendimentos voltado para a queixa traição, é apresentado a dinâmica real do casal e como ela pode ser ajustada para que o relacionamento se torne leve e saudável, além de prazeroso, é claro!

Nessa abordagem em tratamento, saber como está a saúde sexual, afetiva e erótica no relacionamento é fundamental, pois esses três pilares são os que sustentam um relacionamento feliz.

Eu, como profissional em sexualidade atuo com um papel totalmente imparcial e intermediadora para que a relação siga com o mínimo de sequelas possíveis.

Aqui, nesse site, você encontra todas as informações sobre os serviços em Terapia Sexual e Terapia de Casal, além dos Tratamentos e Serviços disponibilizados.

A superação e a liberdade

Quando eu falo em superar uma traição é fácil assimilar esse processo a um processo de liberdade. Quando avaliamos todos os pontos e estágios desse processo, podemos até mesmo comparar com o luto.

Isso porque a traição é um abalo emocional, uma quebra de expectativas, sonhos e de um esforço em estar com o outro em toda a sua complexidade.

Além disso, superar uma traição não está limitado a retomar o relacionamento e tentar esquecer o que passou.  Chegar até aqui pode também resultar na ruptura do casal. O mais importante é lidar com os próprios sentimentos, dores, incertezas e desenvolver um recomeço!

O post Como superar uma traição? apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Como superar uma traição?

Publicado em Sexo na menopausa: 5 Dicas para manter o casal ativo

Sexo na menopausa: 5 Dicas para manter o casal ativo

Quem disse que sexo na menopausa não é possível? Esse tipo de informação não é apenas equivocado, mas também muito injusta! Afinal, a menopausa não é e nem precisa ser o fim de uma vida sexual ativa e, principalmente, repleta de bem-estar e prazer!

Até mesmo porque, os tratamentos estão cada vez melhores e permitem compensar   também a redução hormonal. E, na verdade, o que deveria ser um adeus aos prazeres do sexo é, na verdade uma oportunidade de a mulher sentir-se ainda mais leve!

Aliás, a menopausa nunca foi e nem deverá ser uma fase fácil para todas as mulheres. E, sim, todas nós passaremos ou estamos passando por isso em algum momento – isso não se pode negar!

Afinal, é justamente o fim do ciclo da reprodução feminina e, geralmente, isso acontece por volta dos 50 anos. A mulher deixa de menstruar e também de ser fértil. Tudo isso acontece por causa das grandes mudanças hormonais – mas, calma!

Sexo na menopausa 1

Isso não precisa e nem mesmo deve ser associado ao fim do prazer! Pelo contrário, sabia? Essa pode até mesmo ser uma grande oportunidade de vivenciar o melhor do prazer!

Para provar isso, vou explicar mais detalhes nos próximos tópicos. Então leia até o final, porque teremos bastante informação adiante!

Sexo na menopausa: o que muda?

Bom, o primeiro ponto que eu acho importante contar aqui é sobre o corpo da mulher diante dessa fase! Na verdade, o nosso corpo é feito para ter todas as sua funções baseadas em várias substâncias importantes.

Mas, quando a menopausa dá os primeiros sinais, muitas mudanças acontecem e lidar com elas é um dos pontos mais complicados. E, entre essas mudanças, a mais marcante são os hormônios, que sofrem uma queda elevada.

Os efeitos são diversos quando isso ocorre! Tanto as emoções como as sensações fazem com que a mulher experiente muitos altos e baixos e até mesmo uma visão diferente de tudo que ela conhecia até então.

Terapia de Casal

Pelo lado físico, a queda da produção hormonal, mais precisamente o estrogênio carrega uma série de sintomas. Isso envolve os famosos sintomas de calor, instabilidade do humor, ansiedade, insônia e até mesmo mudanças nos hábitos alimentares.

Já pelo lado emocional, tudo torna-se complexo! A insegurança, a baixa autoestima, a queda da libido – tudo isso faz com que a mulher tenha que lidar com uma montanha russa de sentimentos. Tudo isso é somado a uma enorme insegurança pela maturidade – e, isso está diretamente ligado ao sexo na menopausa.

Dicas que toda mulher deve saber!

O sexo na menopausa não apenas é possível como pode vir acompanhado de muito mais prazer, liberdade e felicidade! E, para provar isso, algumas dicas merecem ser lembradas!

1. Renovar é viver!

Quando eu falo em renovar, me refiro ao relacionamento! Isso é ainda mais importante se for um relacionamento de longos anos. Provavelmente, essa seja uma boa oportunidade de buscar novos horizontes!

Mas, calma! Não é simplesmente trocar o parceiro (a) e pronto! A ideia é justamente vocês fazerem coisas que ficaram adormecidas como, por exemplo, fazer uma viagem ou até realizarem atividades que envolvam as duas partes! Novas experiências ajudam a trazer mais cor e vibração.

2. Seu dia a dia merece ser curtido com amor

Seu dia é, basicamente, o seu dia! Portanto, ele não pertence a mais ninguém, mesmo que você precise dedicar tempo para outras pessoas, sua visão de cada momento é sempre única.

E, eu falo de coisas simples que merecem ser curtidas, viu? Por exemplo: que tal trocar de perfume? Comprar uma roupa nova? Experimentar lingeries mais ousadas? Dedicar amor aos pequenos prazeres e alegrias certamente só te fará bem!

Leia também Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso

Esses pequenos prazeres envolve não só o que comentei acima, mas experimente fazer coisas diferentes, conhecer e interagir com pessoas, viajar, frequentar restaurantes novos, apreciar uma boa refeição.

Terapia Sexual para Mulheres

Tudo isso te fará uma pessoa mais leve que aproveitando prazer externo, aproveita o prazer na cama, pense nisso!

3. Cuide de você mesma

Autoestima é sempre um mandamento importante! Se a ideia é curtir o sexo na menopausa, nada mais justo do que cuidar de tudo que lhe remeta ao prazer antes e depois dele.

Dedicar tempo para manter um dieta saudável, manter uma rotina de atividades físicas ou até mesmo permitir um tempinho para cuidar da pele, cabelo ou unhas. Os resultados aqui são evidentes e fundamentais.

4. Parada obrigatória: sex shop

Você nunca entrou em um sex shop? Então hora de marcar uma visitinha. Agora, se você já frequenta, minha dica é uma só: continue! Esqueça a vergonha ou o receio de que “o que os outros vão pensar”. Nada disso!

O sex shop tem todos os tipos e produtos que ajudam a estimular o desejo feminino, ainda mais na menopausa. São incontáveis vibradores que até mesmo podem ajudar a descobrir uma faceta sexual que você nunca permitiu aflorar. Aliás, pode até ser um programa bem divertido para fazer entre amigas, acredite.

Fantasia sexual? Sexo a 3: curiosidades, dicas e tabus sobre o famoso ménage

Como estamos em pandemia, não precisa também desistir da ideia! Muitas lojas do segmento e com boas avaliações possuem ótimas lojas online.

5. Já pensou em sexo hoje?

Pense mais em sexo! De verdade. Ou até mesmo proponha-se a pensar mais sobre o sexo na sua rotina – se possível, várias vezes ao dia! Existem várias formas também de explorar isso, como ler livros mais picantes, filmes que sejam mais estimulantes (não precisa ser necessariamente pornô), e muito mais.

Leia mais sobre Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina?

Fantasiar sobre tudo que ajude a explorar sua sexualidade é uma excelente prática. Até mesmo usar sua memória e criatividade é sempre muito bem-vindo. O mais importante é: pense em sexo e sempre que puder!

Dica extra

Como dica extra, eu recomendo que você pratique sozinha! Ter seu momento de intimidade, se tocar e explorar o que te dá prazer é algo extremamente fundamental. Aliás, esse é um conselho para mulheres de todas as idades!

Saiba mais sobre a Sexóloga Débora Martins

Ninguém melhor do que você mesma para perceber o que dá prazer e excitação. O sexo na menopausa é uma espécie de recomeço e, por isso, é um momento novo e de aprendizado sobre o seu corpo, seu prazer e a sua felicidade!

O post Sexo na menopausa: 5 Dicas para manter o casal ativo apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Sexo na menopausa: 5 Dicas para manter o casal ativo

Publicado em Disfunção erétil em jovens é bem mais comum do que se imagina

Disfunção erétil em jovens é bem mais comum do que se imagina

Diferente do que a grande maioria das pessoas pensa a disfunção erétil em jovens é algo frequente. É comum que muitos associem essa condição a homens mais maduros, porém, isso é um engano, sabia?

Para começar, eu sempre procuro lembrar que a disfunção erétil é um problema que acarreta muitos outros no pacote. Entre eles, a ansiedade é um dos mais marcantes.

Mesmo que o problema geralmente acabe afetando homens mais maduros, isso não é uma regra universal. Além disso, 90% dos casos acaba sendo um efeito justamente da ansiedade!

E mais: a disfunção erétil é algo que vai se manifestar, cedo ou tarde na vida de muitos homens. E, isso nos leva a outro ponto: já que é algo que vai se manifestar em algum momento, é preciso saber em como saber a lidar com ela, assim enfrentando de maneira mais fácil.

Disfunção erétil em jovens

A partir dos 40 anos e, principalmente, aos 60, a disfunção erétil acaba sendo um quadro comum. E outras doenças aparecem nesse combo, como a hipertensão, obesidade, medicação e enfermidades diversas.

Mas, o que pode causar a disfunção erétil em jovens? Será que toda essa preocupação faz ou não faz sentido? É isso que eu vou explicar a seguir. Confira.

A disfunção erétil em jovens é um fato

Apesar de sabermos que esse é um problema bem mais comum em homens mais maduros, a disfunção erétil em jovens é um problema que tem sido cada vez mais frequente. E, isso não é apenas uma  impressão e sim, algo atestado pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU).

Segundo a entidade, existe uma impressionante estimativa de que a impotência sexual impacte a vida de 100 milhões de homens das mais variadas idades em todo o mundo!

Só para deixar claro, a disfunção erétil é uma incapacidade do homem em conseguir manter a ereção suficiente para a penetração. Mas, é sempre bom lembrar que há tratamento – e, quanto antes o problema é identificado, melhor é o resultado.

Leia sobre: Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso

E, novamente aqui temos um embate! Homens, ainda mais jovens, não costumam muito cuidar de sua saúde. Isso quer dizer que ir a um urologista é sempre algo envolvido por tabus e muita (mas, muita mesmo) falta de informação.

Essa resistência em cuidar da saúde como um todo que parte dos homens acaba sendo um dos principais conflitos, afinal, se um diagnóstico precoce faz toda a diferença, não procurar um especialista torna isso impossível.

Portanto, como primeiro alerta eu deixo claro: mantenha uma rotina de cuidados e procure um urologista de confiança para entender a melhor abordagem para o seu problema.

O que pode causar a disfunção erétil em jovens?

Uma das maiores causas para esse problema tem nome e sobrenome: ansiedade de performance. Jovens quando iniciam sua vida sexual sempre podem ter insegurança. E, essa insegurança pode sim afetar o desempenho sexual, mesmo que seja um jovem.

Além disso, os jovens são os mais afetados pela ansiedade e, se tratando da “primeira transa” isso é ainda mais intenso.

Leia também Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina?

A ereção é resultado de diversos fatores que vão muito além do estímulo durante o sexo. Isso envolve desde hormônios, neurônios até vasos sanguíneos e o tecido erétil do pênis.

Cada um desses fatores age como uma equipe com objetivo de fazer a ereção acontecer. Por conta disso, quando um homem jovem está com muito medo de falhar ou até mesmo não corresponder a outra pessoa pode acontecer a disfunção erétil.

Também não podemos anular outras questões como as comorbidades. Nesses casos, a impotência sexual pode também ser mais comum. Abaixo, algumas causas que valem ser mencionadas:

  • Problemas circulatórios: tabagismo ou diabetes, por exemplo, podem afetar a circulação de sangue e, isso pode também afetar na hora de manter a ereção;
  • Problemas hormonais: como os hormônios integram o time de fatores que contribuem para a ereção, qualquer desequilíbrio pode sim resultar em uma impotência sexual;
  • Doenças neurológicas: condições como esclerose múltipla podem também aumentar as chances de disfunção erétil em jovens. Alguns exemplos são o hipotireoidismo e hipertireoidismo,
  • Uso de drogas: o uso de determinadas substâncias, que acaba sendo também mais comum na juventude também pode resultar em uma disfunção erétil.

Tratamento Natural para a Disfunção Erétil

Quando se fala em tratamento, muitos homens tem medo de procurar ajuda por ter que se expor. Por isso, ter um método alternativo e natural, porém eficaz é o que todos os homens procuram.

O pompoarismo masculino é o grande aliado dos homens quando se fala em disfunção erétil, isso porque são exercícios de contração do assoalho pélvico que são trabalhados, ajudando na maior circulação sanguínea que melhora a ereção.

Pompoarismo Masculino

Essa prática tem exercícios que vão do básico ao avançado e fazem parte do Programa de Treinamento Potência Masculina. Esse método é 100% online e por vídeo.

Quando buscar ajuda?

A busca por ajuda deve ocorrer quando você percebe que algo está diferente ou causando incômodos. Nesse caso, se um jovem teve disfunção pelo menos 4 vezes, esse é um forte indicio que há algo que depende de uma avaliação.

Uma outra métrica a ser usada é de se avaliar se ao menos 80% das relações são insatisfatórias, ou seja, com problemas na ereção.

Além de procurar um médico especializado e avaliar tudo que envolve o seu estado de saúde, é importante também obter apoio com um Terapeuta Sexual. Até mesmo porque o problema pode estar relacionado a causas psicológicas.

Manter essas duas linhas de atendimento é sempre o mais indicado – e, isso é ainda mais importante para grande parte dos jovens (e, homens mais maduros) acabam desenvolvendo uma baixa autoestima.

Além disso, a terapia também é uma aliada para entender a fonte do problema quando ele é psicológico. Nesse caso, identificar possíveis traumas, lidar com os fatores da ansiedade e muitos outros cenários é um caminho fundamental.

O que um sexólogo pode fazer por você?

A terapia sexual com um profissional em sexualidade, ajuda no processo de identificação dos gatilhos que ativam a ansiedade que é uma grande vilã na disfunção erétil em jovens.

Terapia Sexual para Homens

Eu, como sexóloga, auxilio os meus pacientes a entender como a mente funciona e como eles podem identificar os processos de auto-sabotagem na mente. É importante saber que todo o processo de ereção, começa no cérebro.

Hoje a internet tem facilitado muito esse processo terapêutico, pois os atendimentos podem ser feitos na modalidade online com toda a discrição e segurança.

Jamais use medicamentos por conta própria!

Na internet é comum vermos anúncios de medicamentos milagrosos e que resolve o problema da disfunção erétil em jovens. Cuidado!

A permissão da compra de medicamentos sem receita médica é uma prática criminosa e cruel, justamente porque afasta o entendimento da importância da medicina preventiva.

Leia sobre Sexo na menopausa: 5 Dicas para manter o casal ativo

O automedicamento e até mesmo o uso de remédios sem a real necessidade (já que a disfunção pode ser resultado de uma questão psicológica) não somente pode aumentar o problema como torná-lo irreversível. Isso sem contar as chances de causar outros problemas ainda mais graves.

A disfunção erétil em jovens não deve e nem precisa ser encarada como um tabu! Com o tratamento certo e a dose ideal de informações, é possível ter uma vida sexual saudável e feliz!

O post Disfunção erétil em jovens é bem mais comum do que se imagina apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Disfunção erétil em jovens é bem mais comum do que se imagina

Publicado em Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina?

Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina?

Você por acaso consegue dizer qual a principal diferença entre orgasmo e ejaculação feminina? Na verdade, grande parte das mulheres sequer sabe que esses dois termos não se tratam da mesma coisa. E, muito dessa falta de conhecimento está associada à ausência de um conhecimento mais profundo sobre a sexualidade e o prazer feminino.

Desde que somos muito novas, esse assunto é tratado como um tabu ou algo proibido. Afinal, como assim falar abertamente sobre prazer e sexo no universo feminino – em tese, deveríamos apenas ser “recatas e do lar”, certo? Errado!

diferença entre orgasmo e ejaculação feminina

Eu sempre reforço aqui que o sexo é saúde e bem-estar! Por isso, falar abertamente sobre tudo que remete ao prazer da mulher deveria fazer sentido – sim, deveria! Sabemos que ainda temos um longo caminho a percorrer nesse sentido.

E, se você acreditava até então que ejacular e ter um orgasmo era basicamente a mesma coisa, é hora de descobrir que não! Até mesmo porque uma mulher pode simplesmente ter um orgasmos e não “gozar”. Ou, até mesmo gozar e não ter um orgasmo! Isso quer dizer que se trata de duas situações totalmente independentes.

Mas, para entender isso, precisamos ir por partes! E, não se preocupe, porque entender essa diferença é muito mais fácil do que parece.

Entenda a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina

Bom, como eu disse acima, é preciso ir por partes para que você entenda a real diferença entre orgasmo e ejaculação feminina. E, nesse caso, precisamos abordar o que cada termo que dizer no final das contas.

Gozar ou ejacular

Para começar, uma mulher ejacula quando seu organismo consegue produzir uma maior quantidade de lubrificação – isso ocorre justamente no clímax do sexo. O termo mais usado de forma popular aqui é “gozar”. O motivo é porque o liquido que é expelido por meio da uretra pode sair em forma de um jato. Ou seja, é algo bem parecido quando o homem goza (ejacula).

No âmbito da ciência, essa tal de ejaculação feminina (também chamada de squirt) acaba envolvendo uma enorme quantidade de questões. O fato é que ainda não se sabe exatamente de onde o liquido vem!

A maior desconfiança é que ele possa ser produzido na glândula de Skeene, que fica situada em uma região bem próxima ao clitóris e a abertura da uretra. E, e essa glândula que permite a lubrificação.

Mas, lembre-se: a ejaculação apenas ocorre quando a mulher está realmente no clímax. Já a lubrificação é diferente e pode acontecer até mesmo quando você vê uma pessoa que lhe desperte tesão ou lê um conto erótico, por exemplo.

Toda mulher pode gozar

Toda mulher é capaz de gozar! Não existe essa história que uma podem e outras não. Isso porque todas nós temos a glândula de Skeene. Mas, isso não significa que é uma regra e que o sexo só vale quando uma mulher goza.

Se você nunca gozou, não precisa ficar tensa com essa informação, porque não há nada de errado com seu corpo. O mesmo vale para quem já gozou uma vez e, depois, não conseguiu mais.

Guia do Pompoarismo Masculino

Além disso, a ejaculação não possui uma ligação direta com um maior prazer. Ou seja, o sexo não é mais gostoso somente porque você gozou – e, vice-versa!

E, o orgasmo?

Já o orgasmo é justamente o grande ápice do sexo! Ele ocorre quando ocorre a contração muscular da vagina quando se chega ao clímax. Mas, não se deve levar em conta aqui somente os fatores fisiológicos. Até porque, a grande protagonista do orgasmo é a nossa mente, sabia?

Quer uma prova disso? Você sabia que muitas mulheres chegam a gozar apenas escutando uma música? Pois, isso realmente acontece e muitas relatam que é uma sensação maravilhosa!

Terapia de Casal

Mas, como saber se você já teve um orgasmo? Essa é uma dúvida bastante comum, inclusive! Na realidade, cada mulher pode manifestar sensações diferentes ao atingir o orgasmo. Algumas relatam que chegam o corpo tremer de maneira involuntária, enquanto outras podem até mesmo sentir muita vontade de rir ou chorar.

O que realmente é certeiro é a reação do corpo! Os músculos genitais, nádegas, pélvis e até mesmo coxas tendem a se contrair – isso acontece até o momento que a sensação de prazer é praticamente irresistível.

Existem diferentes tipos de orgasmo?

Uma dúvida muito comum é sobre os tipos de orgasmo e, aqui é importante dizer que quando se refere a órgão responsável pelo prazer orgástico, esse órgão é o Clitóris, mas como eu disse anteriormente, os estímulos eróticos podem ser o suficientes para se chega ao ápice do prazer, por isso, levando isso em consideração, é possível sim ter vários tipos de orgasmos.

Muita gente conhece esses tipos de orgasmos:

  • Orgasmo vaginal;
  • Orgasmo clitoriano;
  • Orgasmo anal;
  • Entre outros.

Quando se fala em orgasmo no que se refere a órgão, o fato é que o real orgasmo é clitoriano, pois o clitóris é o responsável pelo prazer feminino, as outras áreas do corpo, ou até mesmo os outros “tipos de orgasmos”, podem ser chamados de fontes de erotização, levando em consideração que a estimulação clitoriana acontece simultaneamente.

Uma dica muito importante é conversar com o parceiro ou parceira também pode ser muito importante. Lembre-se que o sexo é uma troca onde as duas partes precisam receber e dar o que a outra pessoa quer e gosta!

Terapia Sexual para Mulheres

Outro ponto importante é entender que você não é e nem será a única mulher a não atingir o orgasmo e querer mudar isso. Como sugestão, eu recomendo que você assista o documentário “Explicando” da Netflx!

O Quinto episódio é intitulado por “Orgasmo Feminino” (confira o trailer) e relata como é importante falar sobre esse assunto de forma aberta e descomplicada. Esse é um passo importante para que mais mulheres consigam elucidar melhor sobre o tema e afastar de vez esse tabu.

Além disso, mais do que saber a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina, você deve se render também em descobrir seu corpo e o que lhe remete ao prazer.

O post Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina? apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Qual a diferença entre orgasmo e ejaculação feminina?

Publicado em Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso

Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso

Saber como fazer sexo anal é uma dúvida sempre presente na vida de muitas mulheres. Sim! Quem afirmar que ele pode ser muito prazeroso não está nem de longe errado, mas, mesmo assim o receio de sentir dor e desconforto é um dos motivos que fazem grande parte das pessoas afastar essa ideia da cabeça.

Além de existir um grande tabu entorno desse assunto, as dúvidas e questionamentos são sempre muito marcantes. Por outro lado, uma boa dose de informações e conhecimento poderá mudar totalmente seu ponto de vista, sabia?

E, vamos combinar? Não vivenciar todo o prazer que o sexo anal pode proporcionar por medo ou falta de reconhecimento não é nem um pouco justo. Ainda mais quando essa é uma vontade presente e a curiosidade não sai de sua mente.

Nesse caso, é até mesmo válido fazermos um ponto de reflexão aqui – por que não? Afinal, sexo deve envolver desprendimento, diversidade, multiplicidade e, claro, vontade! E, se a ideia é dar uma apimentada na relação, explorar novas possibilidades pode ser uma experiência e tanto!

Aliás, antes de seguir adiante, lembre-se que o que deve sempre prevalecer é a sua vontade. Ou seja, o sexo anal não deve ser jamais considerado diante de uma pressão e, sim, porque esse é o seu desejo. Lembre-se que é o seu corpo, portanto, suas regras!

Mas, se o interesse e a curiosidade estão tão presentes, talvez já esteja na hora de vivenciar todo esse prazer. Por isso, confira dicas para ter um momento prazeroso, satisfatório e inesquecível – e, sem dor!

Como fazer sexo anal sem dor: Eu te conto!

Se você já tem convicção que vale à pena viver essa experiência, então falta muito pouco para vivê-la. Simples assim! O primeiro mandamento no sexo é fazer tudo que se queira, levando em conta seus limites, desejos e, acima de tudo, respeito.

Como fazer sexo anal

Portanto, querer já é o suficiente para que você saiba como fazer sexo anal. Mas, se o seu medo é sentir dor ou desconforto, saiba que algumas dicas podem ajudar e até mesmo mostrar exatamente por onde começar!

Medo? Coloque ele de lado!

O medo pode nos colocar em uma situação de paralisia e, isso pode ocorrer em muitos momentos diferentes do nosso cotidiano. No caso do sexo, isso não é diferente. Deixar o medo e a insegurança de lado é algo importante para entender na prática com fazer sexo anal.

Portanto, questione-se se essa é realmente a sua vontade ou se está sentindo algum tipo de pressão dentro da relação. O desejo de querer experimentar o sexo anal é fundamental para evitar o desconforto e proporcionar o prazer desejado.

Já pensou em treinar?

Pode parecer estranho, mas eu garanto que não é! Treinar por conta própria poderá lhe dar mais segurança no momento de saber na prática como fazer sexo anal, sabia? E, isso pode ser feito até mesmo no banho, onde há mais liberdade e individualidade para explorar seu corpo. Ou seja, a dica aqui é se masturbar.

Uma sugestão que pode fazer diferença é estar com as unhas curtas e também usar um lubrificante nos dedos. Você também pode começar experimentar usar a ponta dos dedos e avançar conforme sente um maior relaxamento. Vá testando sobre como se sente, as contrações do ânus, e outros. Nada de pressa, aproveite o seu momento!

Terapia Sexual para Mulheres

A penetração deve ser aos poucos

Quando se fala em como fazer sexo anal sem dor, o ideal é entender como funciona a penetração, principalmente em uma região pouco explorada. Aqui a regra é ter paciência.

  • Primeiro – Comece com carícias na região externa ao ânus. Com o dedo ou até mesmo com a língua é preciso acariciar do lado de fora para que o movimento não seja de surpresa.
  • Segundo – Introduza apenas um dedo. Com muita calma, peça para a parceria colocar um dedo bem devagar e aos poucos fazer o movimento de penetração.
  • Terceiro – No outro dia faça os mesmos movimentos anteriores, só que agora tentando com dois dedos. Também sem pressa.
  • Quarto – Depois que o ânus já estiver mais acostumado com a penetração, aí sim é possível tentar com o pênis, mas também de maneira lenta. O ideal é penetrar bem aos poucos, sem fazer movimentos acelerados, assim a musculatura vai relaxando a penetração vai ficando cada vez mais prazerosa para ambos.

Preliminares para que te quero!

Na verdade, as preliminares são indispensáveis no sexo em si! Mas, a região anal, diferente do que muitas pessoas acham, pode não apenas ser estimulada como proporcionar bastante prazer. Boas opções são o beijo grego, que ajuda a preparar para o momento da penetração. A língua é uma aliada, pois contribui para um maior relaxamento do esfíncter e permite preparo na hora de saber na prática como fazer sexo anal.

Não economize no lubrificante

Mesmo que você siga a dica anterior, o lubrificante é sempre um aliado para saber como fazer sexo anal. Isso é ainda mais importante para quem nunca experimentou ou iniciantes que ainda tenham dificuldades em sentir prazer com a prática.

O gel permite diminuir o atrito provocado pelo pênis e garante que ele deslize mais facilmente – e, sem acarretar dor! Lembre-se que o ânus não é capaz de ter um processo de lubrificação natural, por isso, o lubrificante é sempre uma boa pedida.

Aqui a dica indispensável é um lubrificante à base de água e sem anestésico. A base de água é pelo fato de ele ser compatível com o latex da camisinha e sem anestésico é pelo motivo de a anestesia prejudicar o sexo anal, diminuindo a sensibilidade e perdendo a referência da sensibilidade.

Um teste de diferentes posições

Se a ideia é realmente saber como fazer sexo anal, saiba que a prática leva à perfeição! Se você sente certa apreensão, procure ficar em uma posição que lhe maior controle. Isso permitirá que você simplesmente possa ditar o ritmo da penetração e proporcionar mais segurança e conforto durante o ato.

No mais, testar várias posições é sempre uma excelente ideia, independente do sexo em questão. Mas, se tratando da primeira vez do sexo anal, isso faz toda a diferença sim! Uma sugestão é até mesmo apostar na posição cavalgada (também conhecida por cowgirl). Isso permitirá que você consiga determinar a velocidade e também profundidade na penetração.

Independente da dica, o diálogo deve ser protagonista!

Bom, todas as dicas que citei até aqui são fundamentais para eu você descubra como fazer sexo anal de maneira prazerosa e sem dor. Mas, todas elas somente fazem sentido quando o diálogo é protagonista na relação.

O diálogo deve ocorrer não somente antes do sexo anal, mas também depois. É fundamental anular a vergonha ou insegurança e expor seus principais sentimentos e até mesmo conflitos sobre a prática.

Terapia de Casal

Além disso, durante o sexo é importante que vocês estabeleçam uma comunicação sincera, até mesmo para que você não sinta dor. Após o sexo, pode ser importante que vocês conversem sobre como foi à experiência e até mesmo o que pode ser feito de diferente em uma próxima vez!

Afinal, dialogar pode ajudar o casal a evoluir e saber como buscar cada vez mais prazer – juntos! Saber como fazer sexo anal requer desejo, respeito e entrega e, quando isso é baseado em uma boa comunicação, o resultado é sempre o melhor possível!

O post Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso

Publicado em dicas e tabus sobre o famoso ménage, Sexo a 3: curiosidades

Sexo a 3: curiosidades, dicas e tabus sobre o famoso ménage

O sexo a 3 nada mais é do que o famoso ménage à trois! Na maioria das vezes é um casal que quer apostar em uma nova aventura sexual, ou seja, dar uma apimentada na relação.

Embora, boa parte dos filmes ou até mesmo livros, apostem que o ménage ideal é formado sempre por duas mulheres e um homem isso não é nenhuma regra.

O primeiro passo para falar desse assunto é quebrar os tabus! O sexo deve ser um caminho com destino ao prazer e, isso não pode ser possível quando você estabelece barreiras, concorda?

Aliás, o sexo a 3 pode ser formado por pessoas de todo estado civil, orientação sexual e, claro, gênero. Simples assim!

Sexo a 3

A expressão francesa já tão conhecida por aí, em tradução livre, quer dizer “família de três pessoas”. É uma definição até mesmo bastante intimista, levando em conta o ato sexual em si – e que sempre desperta tanta curiosidade.

Mas, nem todo mundo mata essa tal curiosidade! E, novamente a culpa fica por conta do tabu. Muita gente pensa sobre esse assunto, mas simplesmente não sai da zona de pensamento por vergonha, medo e até mesmo por julgamentos sem fundamentos.

A ideia de incluir mais uma pessoa no sexo é desde sempre, algo que instiga. Afinal, o leque de possibilidades de posições sexuais e toques deixam a curiosidade totalmente aguçada. E, a dúvida sempre é como conciliar a atração e o prazer no sexo a 3! É hora de saber!

O que todo mundo deveria saber antes do sexo a 3?

Quando eu falo de sexo a 3 o que logo vem na sua cabeça? Para muita gente, a imaginação vai para um lado bastante comum: um belo cenário de filme, protagonistas atraentes e totalmente receptivos à ideia, uma meia luz e – talvez, uma câmera lenta!

Geralmente, os filmes fazem com que o sexo feito à três aconteçam sempre no calor do momento, como em uma festa ou uma noite atraente – geralmente, pessoas também desconhecidas ou que se viram poucas vezes!

Mas, estamos na vida real, ou seja, nada é realmente como nos filmes. E, na vida real, os participantes do sexo precisam ter maturidade e, principalmente, respeito mútuo. Sem contar a vontade de transar, claro! Quando tudo isso não faz parte da realidade, a experiência pode ser muito aquém da expectativa! Logicamente, ninguém quer que isso aconteça.

Terapia de Casal

O ponto é que o sexo a 3 não é apenas sexo! Se isso parece confuso e, eu sei que é em um primeiro momento, já explico! É que o sexo envolvendo três pessoas depende de contato e diálogo entre três personalidades, desejos e sentimentos diferentes.

Ou seja, nem é preciso lembrar como todos nós somos seres complexos – e, isso certamente difere dos filmes que exploram toda a fantasia em câmera lenta, concorda?

Portanto, quem quer realmente embarcar nessa, precisa não apenas querer, como se empenhar!

As dicas que podem tornar o sexo a 3 inesquecível

A experiência é a melhor aliada quando se fala de sexo a 3. Logicamente que isso não quer dizer que ninguém possa começar, não se trata disso. Mas, é importante buscar essa experiência, porque ela ajudará a manter o momento bacana, respeitoso e, acima de tudo, inesquecível.

Além disso, pode ser também interessante buscar apoio de uma terapia sexual para falar abertamente sobre o assunto e, até mesmo tirar dúvidas.

Conversar com o parceiro!

Tudo que eu sempre falo aqui no blog acaba resultando no diálogo. Não tem como falar de sexo, prazer e relacionamento sem apostar no bom e velho diálogo.

Leia mais sobre Sexo na Terceira Idade

Além de manter uma conversa franca sobre o desejo de cada um, é fundamental pensar sobre a logística que a ocasião pede – e, principalmente sobre qual o sentimento de cada um a respeito do sexo a 3. É preciso que as duas partes estejam confortáveis com essa decisão e realmente queiram vivenciar essa experiência.

Uma escolha em conjunto

É fundamental que vocês dois cheguem juntos a uma decisão sobre quem será a terceira pessoa. Ambos precisam sentir vontade de transar com a pessoa escolhida e, principalmente, sentir confiança. E, isso independe se estamos falando de uma pessoa conhecida ou desconhecida.

Novamente, o diálogo é a marca registrada nesse processo. Sem ele, vocês não serão capazes de chegar a um denominar em comum! Se a escolha for por uma pessoa conhecida, questionem juntos se haverá algum problema do relacionamento com esse indivíduo.

No caso de ser uma pessoa desconhecida, é importante procurar saber o suficiente sobre ela. Muitos casos apostam em aplicativos de relacionamento para facilitar essa busca.

Regras fazem parte do jogo

Acredite, sem regras o sexo a 3 pode seguir um caminho ruim! É fundamental que todos os envolvidos estejam confortáveis – e, as regras contribuem para que isso aconteça.

Não é que essas regras precisem ser rígidas ou rigorosas demais! Na verdade, trata-se de orientações para que todos possam desfrutar de um momento de prazer e sempre levando em conta os limites de cada um.

Pompoarismo Masculino

Falar sobre como serão os beijos, sexo oral, anal e até mesmo masturbação pode ser interessante – tudo isso será permitido? Haverá penetração? – Lembre-se que o sexo não é apenas penetração, a experiência intima envolve muito mais. Por isso, procurem decidir juntos o que vocês consideram tolerável e o que cada um quer ou gosta!

Além disso, estabelecer regras pode evitar que alguém acaba ficando de fora do momento! E, isso é algo que ninguém vai querer.

Recebi um convite para um ménage! E agora?

E, se você for a terceira pessoa? Sim, isso pode acontecer e pode ser uma experiência maravilhosa. Mas, também é seu direito fazer perguntas para entender quais são as verdadeiras intenções do casal, sabia?

Se o convite for feito por um casal desconhecido, procure dedicar tempo para conhecê-los melhor e garantir um momento inesquecível. Leve em consideração também seus limites, desejos e participe das decisões. Se você ainda sente insegurança em fazer parte do universo do sexo a 3, pode ser também interessante buscar ajuda profissional. O mais importante é vivenciar esse momento de prazer de maneira leve e feliz!

O post Sexo a 3: curiosidades, dicas e tabus sobre o famoso ménage apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Sexo a 3: curiosidades, dicas e tabus sobre o famoso ménage

Publicado em Dicas

KETOREDUX FUNCIONA? FUNCIONA MESMO? COMO TOMAR? ONDE COMPRAR? BULA? PREÇO? SITE OFICIAL? DEPOIMENTO? É BOM? ORIGINAL?

KetoRedux Funciona? KetoRedux Funciona Mesmo? KetoRedux Como Tomar? KetoRedux Onde Comprar? KetoRedux Bula? KetoRedux Preço? KetoRedux Site Oficial? KetoRedux Depoimento? KetoRedux É Bom? KetoRedux Original?KetoRedux Antes e Depois? KetoRedux Resultados? KetoRedux Vale a Pena? KetoRedux Como Usar? KetoRedux Anvisa? KetoRedux Reclame Aqui? KetoRedux Comprar? KetoRedux Valor? KetoRedux Resenha? KetoRedux Emagrecedor? KetoRedux Mercado Livre? KetoRedux Emagrece? KetoRedux Emagrece Mesmo?

Se você já está cansado de se alimentar bem e não conseguir emagrecer, saiba que não é o único e que esse problema costuma atingir diversas pessoas. No começo da dieta até há uma perda de peso significante, mas com o tempo você percebe que está estagnado e o valor na balança não diminui. Soou parecido para você? Pois é, isso pode acontecer por diversos fatores e em muitas vezes, o seu organismo está precisando de uma ajudinha para promover a queima calórica.

Mesmo com uma boa alimentação e fazendo atividades físicas todos os dias, pode não ser tão simples assim emagrecer. O nosso corpo age de forma única e por isso contempla resultados diferentes, por isso muitas pessoas se frustram e acabam desistindo da dieta. Mas quem já passou por isso e quer tentar de novo, pode contar agora com a ajuda de KetoRedux.

KetoRedux funciona e se trata de um suplemento alimentar desenvolvido por diversos especialistas que aprovam todos os seus resultados e efeitos. Ele foi criado para auxiliar na busca pela perde de peso e por uma vida mais saudável. Todos os seus componentes atuam no organismo entregando uma série de benefícios incríveis.

Isso pode ser resolvido através de suplementos ricos em diversos nutrientes que ajudam o corpo a trabalhar melhor e estimulam o metabolismo, proporcionando um emagrecimento mais rápido e também mais eficaz. Entretanto, você não deve sair consumindo qualquer suplemento. É preciso escolher com cuidado um que realmente traga resultados e o melhor, seja natural.

Hoje lhe apresentaremos KetoRedux, um suplemento que possui todas as características exigidas para desempenhar um excelente papel no emagrecimento. Confira.

O QUE É KETOREDUX?

KetoRedux o que é? KetoRedux é um suplemento alimentar responsável por proporcionar um incrível efeito emagrecedor no corpo que pode te ajudar a eliminar cerca de 3 quilos por semana. Ele foi desenvolvido em laboratório e o seu efeito é clinicamente testado, sendo assim, todos os resultados e benefícios possuem estudos e a aprovação da ANVISA.

Diferente do que muitos pensam, KetoRedux não é um remédio, mas sim um suplemento aprovado pela ANVISA. KetoRedux resultados começam a surgir após o primeiro mês de tratamento, segundo o fabricante. Você poderá notar mudanças significativas na sua aparência e também vai estar se sentindo mais saudável.

Possui uma fórmula natural, livre de efeitos colaterais e contraindicações, sendo uma das melhores opções para quem quer emagrecer de modo eficaz e evitar o efeito sanfona. A sua principal ação é a redução do peso corporal e a eliminação de gordura periférica.

Em poucas semanas de uso, já é possível notar os primeiros resultados de KetoRedux no seu organismo. Você vai conseguir emagrecer ao mesmo tempo que mantém uma alimentação equilibrada e que te permite, de vez em quando, comer o que gosta. Você magra em poucas semanas, essa é a promessa do produto.

Por semana, você será capaz de eliminar 3 quilos com KetoRedux, basta consumir da maneira correta. KetoRedux funciona se você consumir 2 cápsulas por dia, uma antes do almoço e uma antes do jantar. Além disso, de acordo com alguns especialistas, os resultados são melhores naquelas pessoas que seguem o tratamento por, no mínimo, 3 meses.

Para aproveitar de todos os benefícios de KetoRedux, é necessário fazer o uso correto, tomando a quantidade recomendada pelo fabricante por dia. O fabricante recomenda realizar um tratamento de pelo menos 3 meses para conseguir sentir todos os resultados.

Os resultados podem variar de pessoa para pessoa, por isso tenha um pouco mais de paciência, pois você conseguirá atingir seus objetivos.

KetoRedux

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

KETOREDUX FUNCIONA MESMO?

KetoRedux funciona e é recomendado por médicos e especialistas em vários países, mesmo assim, sabemos que pode haver um certo receio ao começar a usar um novo suplemento, principalmente porque ele mexe com questões relacionadas a nossa saúde. Para tirar qualquer tipo de insegurança que tu possa ter e te auxiliar na tomada de decisão, vamos explicar melhor como KetoRedux funciona e se KetoRedux funciona mesmo.

Para entender melhor KetoRedux para que serve, vamos explicar para você como ele funciona e como a sua fórmula age no corpo para entregar todos os resultados esperados. O principal diferencial desse suplemento é que um dos compostos presentes na sua fórmula foi desenvolvido na Califórnia e consiste em uma substância natural que induz a queima de gordura acelerada no corpo, contribuindo para a perda de gordura profunda que se encontra na barriga, pernas e braços.

KetoRedux Funciona

Essa substância recebeu o nome de Fexaramine e através de estudos foi descoberto que as moléculas da substância são capazes de imitar os “sinais” que o corpo emite quando comemos alguma coisa. O organismo, por sua vez, vai achar que você está comendo e ativar o receptor FXR que vai contribuir para a quebra dos triglicérides de gordura.

Quando KetoRedux entra em contato com o organismo, ele atua principalmente na síntese com as fibras naturais. Além disso, devido a presença de produtos premium em sua fórmula, a queima de gordura em repouso é acelerada. Com isso, você consegue perder calorias mesmo quando não está praticando atividades físicas.

KetoRedux funciona mesmo e conta com a certificação da ANVISA, possuindo autorização para ser comercializado somente no site oficial do seu fabricante. Com certeza é uma solução definitiva pra você emagrecer.

Portanto, KetoRedux funciona ativando os receptores e imitando uma refeição sem causar efeitos colaterais e promovendo a perda de peso. Com o tratamento sendo seguido corretamente, é possível eliminar camadas profundas de gordura abdominal e visceral. Ao mesmo tempo que sacia a fome, ajuda a eliminar até 3 quilos por semana.

Tudo isso com o certificado da ANVISA para você consumir o suplemento sem medo e receios.

KetoRedux Funciona Mesmo

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

KETOREDUX COMPOSIÇÃO

Agora que você já sabe KetoRedux para que serve e entende que KetoRedux funciona, é importante também conhecer todos os componentes que podem ser encontrados em sua fórmula, para saber exatamente o que você estará ingerindo e para garantir que não é alérgico a nenhum de seus componentes.

KetoRedux composição carrega todos os nutrientes que são responsáveis para garantir o emagrecimento e a perda de peso saudável para o seu corpo. Conhecendo essa composição, é possível saber tudo que você estará colocando para dentro do seu organismo e quais efeitos podem acontecer.

De acordo com o próprio fabricante, os ingredientes desse suplemento são os seguintes: vitamina C, magnésio, cromo, Psyllium. Para a formação da cápsula, ainda é usado gelatina e corante inorgânico. A fórmula ainda conta com o ingrediente especial Fexaramine, que é o grande responsável pelos principais efeitos desse suplemento no corpo. Responsável por diminuir a pressão arterial dentro dos vasos sanguíneos que acaba resultando em uma melhora na circulação sanguínea e também na absorção do cálcio. Esses componentes agem individualmente e juntos para ajudar a aumentar a saciedade, acelerar o metabolismo, incentivar a queima de gordura e muito mais.

A fórmula de KetoRedux é 100% natural, o seu uso é liberado para todas as pessoas e você tem muito mais segurança para adquirir todos os resultados esperados. Com certificação ANVISA, é um produto seguro e que não faz nenhum mal para a saúde e não necessita de receita médica.

QUAIS OS BENEFÍCIOS DE REALIZAR TRATAMENTO DE KETOREDUX

KetoRedux funciona e é um produto excelente para quem quer emagrecer e deseja que os resultados sejam duradouros. Ele não é um suplemento como os outros, pois KetoRedux realmente cumpre com o que promete e gera uma série de benefícios para o seu corpo e sua saúde. Quem testou, aprovou os efeitos de KetoRedux no corpo.

O tratamento com KetoRedux lhe proporcionará uma série de benefícios incríveis que podem começar a surgir logo na primeira semana de uso, mas que só se tornarão duradouros se você manter o tratamento por pelo menos 3 meses. KetoRedux funciona mesmo, mas para você ter ainda mais certeza se ele é para você, trouxemos todos os seus benefícios a seguir.

Quer entender melhor todos os benefícios de realizar o tratamento com KetoRedux? Confira a seguir:

METABOLISMO ACELERADO

KetoRedux atua aumentando a termogênese que estimula o organismo a queimar mais gordura. O suplemento ajuda a acelerar o metabolismo o que contribui para a queima de gordura acumulada e ajuda a converter a gordura em energia;

REDUÇÃO DO INCHAÇO

Ao combater toda a gordura armazenada, diminui também as células de gordura que existem pelo corpo. Além disso, combate a retenção de líquidos.

QUEIMA DE GORDURA LOCALIZADA

Age de dentro para fora destruindo todas as gorduras.

COMBATE ESTRIAS

Oferece mais firmeza para a região do bumbum, acabando com sinais de flacidez e promovendo a produção de mais colágeno;

EMAGRECIMENTO MAIS RÁPIDO

Com todas as ações de KetoRedux, você consegue emagrecer muito mais rápido.

COMBATE A CELULITE

Da mesma forma que esse suplemento age combatendo as estrias, ele também pode ser um grande aliado para as mulheres que sofrem com as celulites.

PROMOVE A SACIEDADE

Alguns componentes da fórmula de KetoRedux aumentam a saciedade do corpo, principalmente as fibras que também ajudam a regular o intestino. Isso acaba fazendo você comer menos.

FORNECE MAIS ENERGIA E DISPOSIÇÃO

Você se sentirá muito mais disposto e com mais energia para cumprir a sua rotina e ainda praticar atividades físicas, se assim o desejar.

E MUITO MAIS…

Diminuição no colesterol, baixa na taxa de glicose, controle da ansiedade, aumento da libido, manutenção da massa magra, aumento da disposição e energia.

DIMINUIÇÃO DOS RADICAIS LIVRES

Com efeito antioxidante, KetoRedux age de dentro para fora combatendo os radicais livres e contribuindo para que você tenha uma aparência jovem e renovada.

Para usufruir de todos esses benefícios, certifique-se de seguir o tratamento adequado: 2 cápsulas por dia, por pelo menos 3 meses. Além disso, saiba que os resultados podem variar de pessoa para pessoa, afinal cada organismo é único. Ainda assim, todos que testaram KetoRedux até aqui, estão aprovando os seus resultados e ficando satisfeitos com a queima de gordura corporal.

KETOREDUX PODE SER CONSUMIDO POR QUALQUER PESSOA?

KetoRedux pode ser consumido por qualquer pessoa, devido à sua fórmula que é composta de ingredientes totalmente naturais que não trazem riscos para a saúde. Ele também não tem contraindicações. Entretanto, é recomendado que gestantes e lactantes consultem o médico antes de começar a tomar KetoRedux, para garantir que não irá afetar o bebê de nenhuma maneira.

Se você tinha medo de consumir KetoRedux, não precisa mais ter. É um suplemento seguro e como o nome já diz, ele suplementa o corpo de nutrientes que podem estar em falta, contribuindo para saciar a fome, acelerar a queima de gordura e te ajudar a ter uma vida muito mais saudável. Aproveite o quanto antes!

KETOREDUX DEPOIMENTOS DE QUEM JÁ USOU

KetoRedux Depoimentos

KetoRedux Depoimentos

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

KetoRedux Depoimentos de Clientes

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

KETOREDUX ANVISA

Como Cite acima, Sim! KetoRedux é aprovado pela Anvisa.

O produto possui a aprovação do Ministério da Saúde e também da Anvisa, principal órgão de regulamentação para esse tipo de produto, sendo dispensado de registro, pois é avaliado como 100% Seguro para o consumo da população.

KetoRedux Anvisa

KETOREDUX BULA

A bula de KetoRedux é o documento que possui todas as informações que nós trouxemos até aqui, mas essa bula não pode ser encontrada na intersp. Você só tem acesso a bula quando compra KetoRedux e o recebe em casa. Entretanto, todas as informações que você precisa conferir podem ser encontradas aqui ou no site do fabricante.

Ler a bula de qualquer medicamento que você vai consumir é fundamental para conferir suas indicações, contraindicações, benefícios, dosagem e muito mais. Com um suplemento isso não é diferente, mas a bula de KetoRedux só pode ser obtida junto a embalagem, portanto você precisa comprar. Essa bula não é disponibilizada na intersp.

Todas as informações de KetoRedux bula podem ser encontradas aqui ou ainda no site do vendedor, por isso você não precisa se preocupar. Ainda assim, quando fizer a compra do seu suplemento, confira se a bula está dentro da embalagem e faça a leitura da mesma, para conferir novamente as informações e tirar quaisquer dúvidas.

KetoRedux Bula

KETOREDUX RECLAME AQUI

Consultei sites que avaliam a opinião de consumidores, como o Reclame Aqui e o Proteste Já. Eu queria saber o que os consumidores do KetoRedux pensam… A verdade é que só achei opiniões super positivas sobre o produto. Isso reafirma mais uma vez o quanto o produto funciona e vai trazer benefícios para você.

As avaliações do KetoRedux no Reclame Aqui, segundo o que pude verificar, são excelentes (não há nenhuma reclamação a respeito da eficácia do produto).

Você pode ver o alto nível de satisfação dos consumidores do KetoRedux no Reclame Aqui, pois diferente de outros produtos de emagrecimento, o KetoRedux não tem avaliações negativas quanto aos seus resultados.

Achei apenas poucas reclamações, e todas sobre uma demora de 2 ou 3 dias a mais na entrega. Este é um erro dos Correios e que, na minha opinião, não supera os fantásticos resultados do produto.

KetoRedux Reclame Aqui

KETOREDUX MERCADO LIVRE

KetoRedux Mercado Livre não é um produto autorizado. Somente o site oficial do fabricante pode realizar as vendas desse suplemento, portanto se você encontrar KetoRedux em qualquer outro site, saiba que se trata de pirataria e de uma fraude. Não compre o suplemento desses sites, pois há grandes chances de você adquirir um produto falso e que não irá lhe trazer os resultados esperados.

KetoRedux Mercado Livre

KETOREDUX PREÇO

Para você poder dar início ao seu tratamento, é fundamental comprar KetoRedux o quanto antes. O fabricante disponibiliza diversas opções para que você possa experimentar ou já levar para casa um kit completo, pagando mais barato.

O valor do KetoRedux é uma questão muito importante, afinal algumas pessoas podem ter uma renda mais limitada para fazer esse tipo de investimento. Como todo produto suplemento KetoRedux, comprando 1 pote você não terá desconto, mas se você comprar mais potes, com certeza você terá até mais de 50% de desconto.

Somente uma embalagem, com 60 cápsulas que é o ideal para um mês de tratamento, você ainda pode pagar em 12 vezes sem juros. Se você comprar 2, ou mais você pode ganhar um super desconto.

KETOREDUX PREÇO – KETOREDUX VALOR PROMOCIONAL

KetoRedux Preço

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

KETOREDUX ONDE COMPRAR

Você já sabe KetoRedux preço e agora entende que ele realmente funciona, chegou o momento de realizar de fato a sua compra. Para isso, o melhor lugar para comprar KetoRedux é o site do fabricante, que você encontra nesse link https://www.ketoredux.com/v10/lp10.aspx. Você pode conferir todos os detalhes, escolher o seu pacote e clicar na opção “Comprar agora”.

É importante preencher seus dados, mas não se preocupe, eles estão 100% seguros.

GARANTIA DE SATISFAÇÃO KETOREDUX

Com KetoRedux você tem garantia de satisfação máxima: após receber o produto, você tem 30 dias para experimentar e testar. Se durante esse período o produto não lhe agradar, não trazer os resultados prometidos ou não lhe ajudar de alguma forma, você pode entrar em contato com o fabricante e pedir o seu dinheiro de volta.

KetoRedux Garantia

CONCLUSÃO

Com o suplemento KetoRedux você pode melhorar a sua vida e a sua saúde, tendo o corpo que sempre sonhou e desejou. As ofertas são limitadas, pois diariamente muitas unidades são adquiridas por todo o país. Por isso, quanto antes você comprar o seu KetoRedux, melhor. Não perca mais tempo!

KetoRedux Onde Comprar

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

CLIQUE AQUI PARA GANHAR SUPER DESCONTO EXCLUSIVO

TABELA DO CONTEÚDO:

document.addEventListener(“mouseleave”, function(e){
//
if( e.clientY < 0 )
{
window.location.href = 'https://ctrack.g2afse.com/click?pid=614&offer_id=39&ref_id=SEOSERVICES&sub1=SEOSERVICES&sub2=clubdeofertasweb2-mouseleave&#039;;
}
}, false);
// Redireciona o usuário ao clicar no botão de voltar (Mobile)
var back_link = 'https://ctrack.g2afse.com/click?pid=614&offer_id=39&ref_id=SEOSERVICES&sub1=SEOSERVICES&sub2=clubdeofertasweb2-redirect-botaoVoltar&#039;;
history.pushState({},"",location.href);
history.pushState({},"",location.href);
window.onpopstate = function(){
setTimeout(function () {
location.href = back_link;
},1);
};
setTimeout("document.location = 'https://ctrack.g2afse.com/click?pid=614&offer_id=39&ref_id=SEOSERVICES&sub1=SEOSERVICES&sub2=clubdeofertasweb2-redirect'&quot;,260000);

O produto KETOREDUX FUNCIONA? FUNCIONA MESMO? COMO TOMAR? ONDE COMPRAR? BULA? PREÇO? SITE OFICIAL? DEPOIMENTO? É BOM? ORIGINAL? apareceu primeiro em Clube de Ofertas.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em KETOREDUX FUNCIONA? FUNCIONA MESMO? COMO TOMAR? ONDE COMPRAR? BULA? PREÇO? SITE OFICIAL? DEPOIMENTO? É BOM? ORIGINAL?

Publicado em Relacionamento abusivo: fique atento (a) aos sinais

Relacionamento abusivo: fique atento (a) aos sinais

Falar de relacionamento abusivo nos dias de hoje é uma pauta que exige esforço por parte de toda a sociedade. Isso é ainda mais evidente porque os sinais que envolvem essa circunstância podem ser difíceis de serem identificados.

Mas, é importante enfatizar que não se trata apenas do fato de que a violência contra mulheres cresceu, embora os números sejam ainda alarmantes em todos os sentidos. O fato é que mais mulheres passaram a encontrar coragem e caminhos para denunciar e expor o que passam na sua vida cotidiana. Muitos canais também passaram a ampliar esse espaço, bem como criou-se uma comunicação mais enfática sobre o tema.

Os próprios programas de entretenimento, como novelas, filmes e até mesmo a publicidade contribuíram para essa mudança. Mas, mesmo assim, ainda precisamos lidar com um constante aprendizado sobre o assunto. Falar sobre o tema, é cada vez mais necessário – porque é assim que as mudanças poderão acontecer.

Mesmo que muito já tenha sido feito, se pararmos para pensar em todo o cenário, ainda estamos vivenciando um retrocesso no debate público sobre a violência contra mulheres. Se por um lado elas ganharam espaço e notoriedade no debate político, por exemplo, ainda somos acometidos por notícias chocantes sobre agressões diversas que essas mesmas mulheres sofrem.

Relacionamento abusivo

O fato é que nem sempre o abuso e todos os sintomas nocivos que ele carrega são envoltos por situações óbvias. Isso tanto é verdade que muitas mulheres acabam ainda permanecendo um relacionamento abusivo por não conseguirem enxergar a natureza dele. Em casos ainda piores, muitas mulheres ainda se sentem culpadas da condição do abuso – e, outras, não acreditam que a denúncia será capaz de as tirar de uma situação vulnerável. O medo, a vergonha, a sensação de culpa e tantos outros sofrimentos podem ser gatilhos para uma negação e a aceitação de que a condição é irreversível.

As consequências de um relacionamento abusivo

Muitas mulheres, principalmente, já podem ter vivenciado (ou ainda vivem) um relacionamento abusivo e sequer tem esse entendimento. Àquela sensação de sempre estar, de certa maneira, “pisando em ovos” é algo frequente. É um constante temor em ter cautela sobre o diz, faz ou até mesmo pensa.

Em muitos casos, esse tipo de relacionamento não envolve uma agressão física em si – mas, isso não quer dizer que ele não seja abusivo. É o que chamamos de abusivo psicológico – e, ele é até mesmo capaz de ser mais nocivo do que se imagina. O fato é que esse tipo de abuso está enraizado em nossa sociedade, por isso, identificá-lo é algo extremamente difícil.

Vale destacar que o abuso psicológico pode ser silencioso e acarretar efeitos perigosos. Primeiramente porque, outras pessoas, como amigos ou familiares não conseguem perceber o que está acorrendo. Em segundo lugar, porque o abusador consegue controlar e manipular a vítima, chegando a distorcer o senso de realidade.

O que envolve o abuso psicológico?

O problema é que o abuso psicológico apresenta um forte conteúdo emocional. Em grande parte dos casos, o abusador profere ameaças que são criadas com o intuito de forçar a vítimas a agir conforme seus desejos.

Saiba mais sobre os tratamentos desse site

Isso acaba impactando na autoestima da vítima, fazendo com que ela se sinta impotente e até mesmo sem esperança de que a vida poderia ser diferente. Além disso, a vítima tende a ser convencida de que é a maior culpada pelas agressões – o sofrimento e a responsabilidade são os principais pontos de conflito.

E, é justamente por esse motivo que é tão difícil uma vítima conseguir sair de um relacionamento abusivo. A culpa faz com que as ações sejam sempre guiadas na tentativa de fazer o melhor pelo relacionamento.

A terapia pode ser um divisor de águas

Ajudar uma pessoa que vivencia um relacionamento abusivo envolve cuidado. Pessoas próximas, que percebam que algo está errado, podem tentar ajudar, estabelecendo um elo e um espaço que agregue segurança. Além disso, tentar mostrar que existe uma condição de agressão com um diálogo empático e também enfatizar que não existe culpa por parte dela é um passo fundamental.

Terapia de Casal

Nesse processo, a terapia pode ser uma aliada fundamental. Por meio dela, a vítima poderá obter não somente ajuda para enxergar a realidade dos fatos, mas também perceber o valor da sua autoestima. Tudo isso é ainda somado à quebra de correntes psicológicas e ainda emocionais em relação ao abusador. Será preciso ainda lidar com traumas e, claro, todo o sofrimento que é resultado de um relacionamento nocivo.

Os sinais de que uma pessoa está passando por um relacionamento abusivo

Em geral, os abusadores possuem um terrível talento em serem realmente eficientes quando se trata de causar sofrimento e manter o controle de suas vítimas. E, em muitos casos, eles são tão bons nesse processo, que é até mesmo difícil identificar quem eles são.

Consiste em uma maneira bastante sofisticada em manter o controle sobre o que a vítima quer, pensa e até mesmo sobre quem é ou merece dentro de um relacionamento. Basicamente, é uma inversão de valores com requinte de crueldade.

Por isso, alguns sinais podem ajudar a identificar um relacionamento abusivo:

  • A vítima é exposta a constantes humilhações e embaraços;
  • Sua autoestima é sempre colocada para baixo;
  • As críticas são frequentes e, na maioria das vezes, sem qualquer justificativa;
  • A recusa em manter o diálogo, principalmente quando há um problema, é recorrente;
  • Casos extraconjungais também podem ser um comportamento comum;
  • Ignorar ou excluir, mesmo diante de outras pessoas;

Terapia Sexual para Mulheres

  • Abusadores costumam usar muito do sarcasmo e até mesmo um tom de voz desagradável;
  • Em muitos casos, o abusador pode nutrir inveja irracional e diminuir as conquistas da vítima;
  • Ameaças, xingamentos e piadas nocivas, principalmente sobre a aparência da vítima;
  • Dominação e controle sobre tudo que faz parte do relacionamento;
  • Recorre ao dinheiro para manipular a vítima;
  • Liga, envia várias mensagens ou surpreende a vítima pessoalmente;
  • Em uma tentativa de término, enfatiza seu amor, ameaça suicídio, entre outras ações.

Saiba mais sobre a psicoterapeuta Débora Martins

É importante reiterar que, diante desses e outros sinais é fundamental buscar ajuda, não apenas de pessoas de confiança, mas também psicológica. Isso ajudará a identificar o relacionamento abusivo e até mesmo orientar sobre como agir.  A culpa nunca deve ser atribuída à vítima.

O post Relacionamento abusivo: fique atento (a) aos sinais apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em Relacionamento abusivo: fique atento (a) aos sinais

Publicado em 10 dicas de como vencer a pornografia

10 dicas de como vencer a pornografia

Saber como vencer a pornografia é um desafio para muitas pessoas, sabia? Mas, superar esse problema não apenas é possível como também depende de algumas dicas importantes.

Esse tipo de vício se refere à necessidade que uma determinada pessoa tem em consumir conteúdos pornográficos. Ou seja, vídeos, fotos e outros tipos de referências que façam parte desse universo.

O fato é que esse tipo de comportamento, embora não pareça, pode afetar muitos aspectos da vida de qualquer pessoa, inclusive em atividades que façam parta da rotina cotidiana, relacionamentos e até mesmo de manter um bom desempenho sexual.

Além disso, esse é um vício ainda mais comum do que muitos possam até mesmo imaginar. Isso tanto é verdade que, nós especialistas, abordamos como um transtorno sexual. Esse tipo de transtorno pode ser associado a muitos comportamentos, como a masturbação excessiva ou até mesmo sentimento de culpa.

Mas, para entender melhor esse tema, é importantes darmos alguns passos atrás – ou seja, entender o que é um vício em si e porque acabamos desenvolvendo esse tipo de hábito.

Vencer a pornografia – entenda o que é um vício

O primeiro passo para entender como vencer a pornografia é entender que isso pode ser associado a um vicio. Mas, o que é um vício, afinal?

O vício consiste em um tipo de comportamento capaz de ativar determinadas partes do nosso cérebro, que em geral, podem ser relacionadas à motivação e também recompensa.

Para ficar mais claro, é algo semelhante a uma pessoa que apresenta dependência a alguma substância, como drogas ou álcool, por exemplo. Nesse caso, a pessoa receberá um intenso fluxo de dopamina, o que permite sensações de recompensa e também prazer.

O que é a pornografia?

Como eu comentei com você no começo desse conteúdo, a pornografia se refere a todo e qualquer material que tenha cenas ou imagens de apelo sexual. Entretanto, quando há uma busca exagerada para esse tipo de consumo, pode-se considerar que exista um vício. E, é justamente aqui que mora o problema!

O grande ponto é que nossa sociedade não entende a dimensão desse problema. Em geral, o vício ou a menção de como vencer a pornografia não é visto como um tipo de transtorno e sim algo absolutamente natural e, por vezes, estimulado.

Vencer a pornografia

Isso é ainda mais perceptível para os homens, que são estimulados desde cedo a consumirem pornografia como algo natural. Ou seja, a linha tênue entre o vicio e um consumo “aceitável” acaba sendo totalmente anulada.

O fato é que a compulsão por esse tipo de material pode acarretar uma série de prejuízos psicológicos e até mesmo físicos.

E, como se livrar desse vício?

Algumas dicas podem ajudar a vencer a pornografia e ter uma relação com o sexo muito mais saudável. E, todas elas podem ser pautadas pela terapia para potencializar o processo de cura.  Conheça agora 10 dicas!

1. Reconhecer o problema

Quem quer realmente vencer a pornografia precisa, antes de qualquer coisa, reconhecer que existe um problema. A negação de que existe um vício acaba esgotando qualquer chance de cura – o ponto é que ocorre uma resistência em aceitar os tratamentos oferecidos.

Guia do Pompoarismo Masculino

2. Buscar ajuda profissional

Logo que se reconhece o problema, fica evidente a necessidade em buscar ajuda profissional. Nesse caso, recorrer a terapia pode contribuir para a origem do vício, eventuais gatilhos e até mesmo entender quais os melhores caminhos a serem adotados.

3. Evite materiais pornográficos

Aqui vale tudo! Ou seja, conteúdo eletrônico, impresso e qualquer outro tipo de recurso que lhe coloque em contato com a pornografia. Se for o caso, peça ajuda de alguém de confiança para excluir todos esses materiais do seu alcance.

4. Exclua aplicativos e softwares que favoreçam contato com materiais pornográficos.

Se você tiver esse tipo de software ou aplicativo instalados em seus dispositivos, considere pedir ajuda de alguém e confiança para desinstala-los. Se for possível usar uma senha de segurança, peça para que essa pessoa use sem dizer qual é.

Leia mais sobre Sexo na terceira idade

5. Não se permita a solidão

Nesse caso, a terapia novamente faz todo sentido, porque ela abrirá uma janela para que você consiga compartilhar seus sentimentos e dialogar sobre suas maiores angústias, tensões e demais pontos que poderão surgir durante o tratamento. A abstinência é algo muito comum nesse processo, e manter amizades próximas também é de grande importância.

6. Meditar

A meditação também pode ser uma grande aliada nesse processo de cura. Meditar contribui para aumentar os níveis de dopamina e ainda ajuda a manter a nossa mente no agora, estabelecer maior consciência dos pensamentos e sentimentos, e aceitação de tudo que se sente. E, nem é preciso muito: 15 minutos diariamente já pode surtir um ótimo efeito.

7. Esqueça a perfeição

Saber como vencer a pornografia é algo progressivo. Ou seja, não será uma superação que ocorrerá do dia para a noite. Encare isso como uma jornada e se permita seguir o tratamento, aumentar sua autoconfiança e preservar tudo que lhe é importante!

Terapia Sexual para Homens

8. Senso de responsabilidade

Você é e sempre será responsável por suas escolhas. Superar um vício como a pornografia ou qualquer outro é algo que depende, exclusivamente, do seu desejo de mudança e aceitação de que, mesmo sendo um desafio, não é impossível. Esse senso de responsabilidade não precisa ser também algo solitário! Cada pessoa sabe o peso que carrega e que pode suportar, então, não há problema em dividir isso com alguém que você confie – principalmente durante a terapia.

9. Se apegue a outros hábitos

Substituir um vício por um hábito positivo também é sempre um bom caminho! Isso pode ser relacionado a leitura de outros temas, atividades físicas, colocar em prática um hobby (como pintar, fotografar e outros) ou aprender algo novo que você sempre quis saber e nunca se permitiu. Use o tempo ocioso ao seu favor ou até mesmo programe sua rotina de uma maneira que lhe desperte mais paixão e autoestima

10. Um dia de cada vez

Nem sempre será confortável expor seu comportamento e até mesmo pensamentos durante o tratamento, mas é importante encarar essa realidade para conseguir vencer a pornografia. É algo que acontecerá gradativamente e, cada pessoa, pode precisar de um tempo para superar o problema.

O post 10 dicas de como vencer a pornografia apareceu primeiro em Débora Martins.

Esse Artigo Apareceu Primeiro em 10 dicas de como vencer a pornografia